Sexta-feira, 4 de Novembro de 2011

FILHOS DA PUTA

Estou irada.

Odeio injustiças. Odeio todas as injustiças mas, claro está, que odeio ainda mais aquelas das quais sou o objeto injustiçado.

Considero-me uma cidadã responsável. Pago e sempre paguei as minhas obrigações fiscais.

No início do mês de Outubro (n sei precisar o dia) recebi uam cartinah das finanças com uma multa de 15€ referente ao pagamento fora de prazo do Imposto Único de Circulação. Recordava-me desse atraso. Prendeu-se essencialmente com o fato de ainda n ter recebido nem o subsídio de férias, nem a MINHA devolução do IRS (k nesas altura chegava a aparecer só em Agosto) e de estar a gerir o orçaento mensal da melhor maneira que conseguia.

Tenho até uma vaga ideia de ter pago uma multa na altura do pagamento do IUC mas, uma vez k n tinha comprovativos achei por bem pagar os filhos da puta dos 15€ e acabar de vez com a kestão.

Ora, estando eu no início do mês e olhando diagonalmente para a respetiva carta e não vendo nenhuma data limite para pagamento, decidi pagar a respetiva multa via internet quando efetuasse os pagamentos mensais habituais (Telemóveis, Zon, etc), o que aconteceu sempre por volta do dia 23/24 de cada mês.

O pagamento da referida multa acabou por acontecer no dia 25/Outubro.

Qual não é o meu espanto quando ontem recebo um email dando-me conta de uma contra-ordenação por pagamentos fiscais não efetuados.

Imediatamente acedi ao site e não conseguia encontrar nada visível na minha conta.

Entrei em contato com a DGI e deposi de alguma pesquisa na minha página lá a senhor me disse que era uma contra ordenação pelo não pagamento da multa do IUC. Referi que a mesma já teria sido paga mas depois de ler as letras tamanho 6 da carta percebi que o pagamento tinha que ser efetuado 15 dias depois do levantamento da coima. Pelas minhas contas quando eu recebi aquilo no correio já só deveria ter uns 2 ou  dias para pagar.

Anyway, lá fui eu hoje p as Finanças pagar a diferença. Qual n foi o meu espanto quando tive k pagar não só a coima e as custas do processo no valor de 25.50€ como paguei de novo a multa de 15€ prefazendo um total de 40.5€

Se juntarmos a isto, o fato da carta referente ao pagamento do IMI ter caído para trás do teclado do PC e a ter encontrado tb já fora de prazo e ter pago por 1 mês de juros 10% do valor do meu IMI temos uma gaja muito, muito mas mesmo MUITO revoltada com o páis que tem.

E não me venham cá com merdas de que há muito pior pk essa merda hoje não me diz nada.

Trabalho muito e, contra tudo o que por vezes tenho vontade, continúo a esforçar-me por trabalhar bem e formar PESSOAS kdo akilo k por vezes me colocam na frente são praticamente bichos.

Luto por ser e educar a minha filha a ser honesta e trabalhadora. Incutir-lhe que a verdade é sempre o caminho certo mas...

 

FODA-SE!! Isto está mesmo é paras os espertos e para os cabrões que se enconbrem uns aos outros e fodem o país da melhor forma que podem.

 

Completamente enraivecida! OUT

 

PS - A raiva é tanta k isto fica sem foto e pronto!!

Estrunfina às 09:40
Link | Comentar AKI

Últimas Estrunfinices

OBRIGADA!!!

Por fin...

Catarse!!!

Nem mais!

Há coisas do caraitas!!!

4655 Dias de TI

RESPECT!!

A primeira aula da manhã

Suspiro FUNDO

Quer-me cá parecer que...

Baú das Estrunfinices

Maio 2016

Abril 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Aldeia dos Estrunfes

O Divino em MIM

 

A MINHA FILHA.  O calor do sol a keimar o corpo num dia de praia. Um mergulho de mar ao luar.  Os sorrisos.  Morangoska granizada. Akela música, no momento certo.  Andar descalça sobre a relva.  O cheiro da terra molhada.  Dream Team Forever Marés vivas num dia de Inverno.  O nascer de um novo dia.   Akele olhar.  Chamusca.  Pego Escuro. Correr na praia e espantar as gaivotas.  Um sussurro k faz bater forte o coração.  O suspiro da minha filha kdo dorme.  A saudade. Gargalhadas.  A gargalhada dela.  Licores.  Avistar Lisboa da Ponte 25 de Abril.  Gelado de Dolce de Leche.  Os ABRAÇOS k transbordam a alma.  O microfone. Quando os meus alunos "Conseguem".  Andar de mão dada. Cócegas.  "AMO-TE".  Petiscadas.  A atracção.  Ilha deserta.  Sentir a minha filha dentro de mim.  Dançar.  Pasteis de Nata.  O carinho de ex-alunos. O silêncio.  O céu estrelado de uma noite quente no Alentejo.  As minis à varanda, a ver o mar. DREAM TEAM FOREVER.  O carinho da família.  Banho de mar "em pêlo".  As bolachas da mana.  A fogueira da Praia Verde.  Ver a minha filha aprender algo novo. Porto Novo.  Rir até chorar. Serra de Sintra.  Os primeiros passinhos.  Ver raios de sol "furarem" o céu nublado.  AMIG@S.  Ouvir o bater do coração.  Olhar nos olhos.  Vimeiro.  Uma massagem.  Cheirinho a casa limpa.  Golo de Portugal. O Guadiana.  Orgasmo.  Ver o pôr-do-sol sabendo k ele nasce noutro sítio ao mesmo tempo.  Amamentar.  O céu azul.  Noite quente à beira Tejo.  Papoilas.  Cheiro a maresia.  Sardinhas assadas.  Alcançar.  O brilho do sol reflectido na água.  Gaivotas.  Fazer amor na praia.  O cheirinho k fica na roupa dela .  Acordar.  Fazer "Koys" enroscadinha a ela debaixo do edredon.  Cataplana de Lagosta.  A minha filha bébé adormecer sobre o meu peito enkto mexia na mha orelha.  Lua Cheia.  Panquecas às 3 da manhã.  O Cristo Rei.  O cheiro da pele depois de fazer amor.  A casca do pessego.  A "minha" estrela.  O toke. Pistacios.  Correr com ela na praia.  As boas conversas.  Girassóis.  Concertos dos Bon Jovi. Chorar até tirar o peso do peito.  Cantar.  Coca-cola.  Rezar.  Guincho. Todas as "Good Nights".  Margarita de morango a meio da tarde na esplanada do Siesta.  Frio na barriga. Orgulho.   Dormir numa cama feita de lavado.  Beijo com língua.  Golo do Benfica.  Uma garrafa de Grandjó geladinha.  A primavera no Alentejo.  Lareira.  Póvoa Dão.  Voar.  A carta certa num jogo de Poker.  Jantar à luz das velas.  Caracóis.  Ganhar no último minuto.  Uma viola, uns acordes e amigos. Beijos no pescoço.  O 1º "Mamã".  Ver a balança a baixar.  Um cigarro ao luar.  Cheirar protector solar no Inverno.  Bolas de sabão. Fazer mergulho.  Trovoada de Verão numa noite à beira mar.  O 1º beijo.  Banho de espuma e pétalas, música certa e luz de velas. Dormir a sesta.  Lisboa à noite vista do ar.  Ramos de rosas.  Ferreira.  O sabor da água salgada na pele.  Ouvi.la cantar a plenos pulmões quando vai à pendura na mota. O vôo da cegonha.  Os jogos em "Miami Beach".  APRENDER.

 

 

 

blog1