My Moments
Loading...
Click here to create your own QuitSmokingCounter.com
Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

By The Way... Já cá canta

Dia 30 aí vou eu...

 

Como se eu fosse flor... você me cheira

Como se eu fosse flor... você me rega

 

Estrunfina às 17:05
Link | Comentar AKI

O ké Nacional é bom

K sou fã da Rita Guerra, é um facto. A novidade é gostar dos Dzrt.

Gostei da versão.

 

 

Estrunfina às 17:00
Link | Comentar AKI
Segunda-feira, 28 de Abril de 2008

São momentos destes k fazem valer a pena

Há 15 dias já tinha sentido um poukinho do oásis no deserto. O 8º4ª tinha-me feito relembrar um pouco do porquê de gostar tanto de dar aulas.

Hj fizeram.me viver um dakeles momentos k fazem tudo valer a pena. O ordenado mixuruca, as colocações para lá donde Judas perdeu as botas, as inúmeras papeladas k tenho k preencher, os pais desinteressados, a ministra (sim...até isso valeu a pena aguentar).

Uma das miudas, mto frakinha ao nível das diversas modalidades k ensino, tem tido negativa desde o 1º período. No entanto, tem trabalhado com mto afinco p atingir os objectivos k lhe vão sendo propostos. Encontrava-se a um passo de alcançar a positiva (depois de um esforço gigantesco, acrescente-se). Se, por um lado, nunca iría deixar a miuda reprovar se ela dependesse da mha nota, por outro lado, n lhe daria a positiva sem ela a merecer, se ela n dependesse disso p transitar p o 9ºano.

Hj tinha xegado o "sim ou sopas". Ou fazia uma determinada posição de ginástica acrobática ou fazia a cambalhota à frt  p atingir a pontuação necessária p atingir o nível mínimo na Ginástica e assim conseguir a positiva na parte prática da disciplina ( k era o k a lixava todos os períodos).

Tentou a Ginástica Acrobática vezes sem conta...já o tinha feito em aulas anteriores, mas eu sabia k dificilmente conseguiria ter sucesso nakela tarefa. O seu insucesso estava directamente relacionado com um medo inexplicável k a impedia de realizar a tarefa proposta. Sugeri então k se dedicasse à cambalhota à frt mas, akele medo, fazia-a tremer dos pés à cabeça. Mto incentivada e com a mha ajuda começou a fazer uma coisa parecida com uma cambalhota (rolamento à frt engrupado). K nem um cão de fila eu nem a deixava respirar. Repetiu, repetiu, repetiu até k, a certa altura akilo começou a sair bem. Não desarmando, pk o objectivo estava mm ali ao alcance de mais um esforço, n parei de insistir p k repetisse o exercício. A certa altura, e mantendo-me a seu lado, n a ajudei e ela conseguiu fazer o rolamento sózinha.

Kdo terminou, olhou p mim com os olhos a brilhar e, mto espantada, pergunta: "Esta fiz sózinha, n fiz??" Acenei com a cabeça com um sorriso estampado e disse-lhe: Vá, agora faz lá de novo p a avaliação.

Apesar de toda a turma estar a trabalhar noutras estações, tive a sensação k tudo parou. Ciente da importância dakele momento, a Sandra concentrou todas as suas energias nakele instante. A sua cara, o seu olhar, as suas mãos trémulas, tudo transpirava a trabalho e esforço. Agachou-se e fez a cambalhota mais perfeita k alguma vez tinha imaginado fazer.

Terminou e olhou p mim.

Eu sorria com as lágrimas nos olhos e disse-lhe: Pronto lindona, já está!!

A felicidade dela nakele instante foi ouro p mim. Os meus olhos estavam inundados mas tinha k disfarçar a coisa o mais possível. 2 anos a construir uma imagem de durona...n podía deitar tudo por terra por causa de uma cambalhota à frt.

Olhei bem nakeles olhinhos k brilhavam tanto, tanto, tanto k me iluminaram a alma e disse-lhe:

Sabe bem. n sabe??? Não te eskeças desta sensação. Kdo alguma coisa for mto difícil lembra-te de como sabe bem alcançá-la através do teu trabalho.

Não sei se me ouviu. Dava saltos e abraçava as colegas.

P kem axa k o importante aki foi a Sandra ter aprendido a fazer a cambalhota... read again pk o importante por trás desta história é formar o carácter e é isso k me faz acreditar k TUDO vale a pena.

 

Estrunfina às 21:13
Link | Comentar AKI | Ver Comentários (3)

A MINHA FILHA

Estrunfina às 00:49
Link | Comentar AKI

Pk é k estas coisas nunca acontecem na linha de Sintra

Parece k a makinista holandesa se eskeceu de desligar o micro e em vez de se ouvir "Próxima Estação: Sete Rios. Há correspondência com..." ouviu-se....
(convem desligar 1º a musikinha ali do lado).
Estrunfina às 00:33
Link | Comentar AKI | Ver Comentários (2)
Domingo, 27 de Abril de 2008

Fomos à Bola... Kara**o

Era um joguito inocente de Juvenis, pelo menos foi o k pensei.

Sim, era decisivo. Sim, era entre ekipas rivais mas, a verdade, é k n me passava pela cabeça k fosse possível uma coisa dakelas.

Das bancadas ouvi tudo e mais alguma coisa. Os pais (k supostamente educam akeles putos) gritavam as maiores alarvidades p dentro do campo. Desde chamarem os nomes mais incríveis aos putos da ekipa adversária e ao árbitro até às ameaças e ao incentivo às agressões físicas, eu ouvi de tudo. Sorte mha, a mha filha estava distraidíssima a brincar com umas bonekinhas e n tava nem aí mas, sinceramente, pensei em retirar-me devido ao palavreado invocado por akela gente. 

Fiz até um vídeo mas n consigo metê.lo online. O Sr. em kestão só acalmou o palavreado kdo o GNR se colocou pertinho dele. Sim...pk o jogo só pode começar depois de chegar a GNR (se no início n percebi bem pk, depois tudo se explicou).

 

P a história fica a primeira grd vitória de um promissor treinador de futebol k, se tudo correr bem, ainda vai contribuir p o meu bem estar financeiro. O meu cunhado foi vice-campeão n sei bem de k e a ekipa por ele orientada subiu de divisão. Isso é k foi um momento bonito ouvir a entrevista em directo pá Radio Mafra.

Emocionei-me com a alegria de toda akela malta k, depois de um ano de dedicação conseguiu alcançar o objectivo. Lembrei-me dos meus velhos tempos e as lágrimas ficaram a banhar-me os olhos. Pk o meu cunhado tb é mto "boazinho" e já o digo desde os 6 anos, altura em k o chantageava e ganhava bombocas (ainda hj só a ideia do creme da bomboca me dá vómitos), fica a foto pá posteridade

 

PARABÉNS TONY!!

 

Estrunfina às 23:16
Link | Comentar AKI

Balanço de um fds prolongado

Vi a filha pedalar...

Deitei-me na relva, à sombrinha, e vi-a correr descalça pelo relvado.

Dei mais uma aulinha de iniciação à patinagem ao piolhinho e fartei-me de rir ao vê-la desengonçada a tentar ekilibrar-se nos patins.

Fomos ver o Donkey Xote  e eu vi metade sob a forma de introspecção.

Estivémos em família.

Viémos de coração xeio!!

 

Estrunfina às 23:02
Link | Comentar AKI
Sábado, 26 de Abril de 2008

ClakiBUM

Toca aki a música k nos últimos 2 dias n me sai da carola. Pertence à banda sonora do filme (já sacado mais ainda n visto) "Tropa de Elite".

Segundo a crítica é uma pedrada no charco. Retrata a realidade duma força especial de intervenção nas favelas brasileiras.

Tou só à espera k da sesta da bixinha p poder ve-lo. Fica a sugestão.

 

Estrunfina às 11:16
Link | Comentar AKI

Pk às vezes sou mto burra

Decidi informar a mha filha às 10.30 da manhã k hj vamos com a tia, à sessão das 19h, ver isto

 

Agora é aguentar 6 horas de pressão, kdo podería perfeitamente ter feito a surpresa kdo lá xegássemos. Já me perguntou 3 vezes se falta muito... passaram apenas 30m.
Agora vou ali esbofetear-me e já volto.
Estrunfina às 10:57
Link | Comentar AKI
Sexta-feira, 25 de Abril de 2008

Nowhere Fast

Ainda a música...e o vídeo.

Hj deambulando pela net acabei por ver o vídeo desta música. Vi este filme milhares de vezes kdo era miuda e lembro-me k ficava danada pk o par apaixonado não ficava junto no fim   (UPS...sorry!! p kem ainda n viu o "Streets of Fire" / "Estrada de Fogo" eskeça o k acabou de ler mas...é imperdoável ainda n ter visto este filme apesar de ser um atentado ao acto de bem representar).

Anyway... anos volvidos dei comigo a pensar no k pensava nakela altura, numa altura é k tudo era uma miragem ainda. Esse futuro estava lá mto à frente e a única coisa k existíam eram cenas de mtos filmes k via.

Talvez esse seja o mal de mta gente, os filmes e as novelas k vê. Trazem uma ideia um bocadinho deturpada do amor.

Hj sei k os filmes k acabam mal limitam-se a retratar o amor de um modo mais realista.

Estou tb a lembrar a cena final do "Against All Odds" keu axo de uma simplicidade e de um poder brutal pk o olhar...diz tudo (ver vídeo).

 

 

Parece k mtas paixões desmesuradas terminam mal. Talvez as que terminaram bem foi pk nos levantámso kdo apareceu "The End" escrito no ecran. Talvez se tivessemos ficado p ver o k acontecia uns meses depois do "e viveram felizes para sempre"  vissemos k todo akele amor, toda akela paixão, toda akela loucura vivida pelo casal apaixonado terminou 4 meses depois.

Anyway... na vida real, o amor n xega, a paixão menos ainda...só traz problemas (hj sei k, kto mais alto se sobe, maior é a keda). Não só pela mha experiência pessoal mas, olho à volta e vejo tanta gente k "desistiu" do seu grande grande amor pelas mais inúmeras razões.

São os eternos casos mal resolvidos.

Depois, há tb o outro lado. Akele k encontramos kdo ganhamos consciência do k realmente keremos p a nossa vida. E nem sempre keremos um "e viveram felizes para sempre" ou melhor, a parte do viver feliz para sempre sim, mas a realidade é k iso n passa de uma utopia estúpida k n existe.

Há os momentos felizes e há os outros. E kdo existe um ekilíbrio entre os 2 ou os momentos felizes se sobrepõem aos outros, as relações valem a pena mas, mtas vezes as relações acabam por se manter pelos motivos mais errados k possam existir.

Hj, n vivo a pensar no futuro. Tento viver as mhas relações, sejam elas de k teor forem, "1 dia de cada vez" e, normalmente, é kdo elas duram mais. E kdo o desekilíbrio aparece... fica a experiência, ficam as recordações (boas e más) e..."Fé na Karkaça...pá frt é ké Luanda e ao lado é o Kwito".

Kto ao amor... n procuro o "para sempre" procuro apenas viver plenamente o meu para sempre, de maneira a k ele dure exactamente o tempo certo para que me faça imensamente feliz, o resto da vida (e esta n paga direitos de autor).

 

Estrunfina às 22:52
Link | Comentar AKI

Será k vi bem???

Acabei de ver um anúncio televisivo ao espectáculo musical da "Rua Sésamo" e as datas do dito são em Novembro?!?!?!?!?!? NOVEMBRO?!?!?!

 

 

Se eu agora comprasse bilhetes p um espectáculo em Novembro, das 2 uma:

 

1) Ou me eskecia k já tinha comprado bilhetes e comprava de novo

2) Ou guardava os bilhetes tão bem k nunca mais os encontrava (ou talvez os encontrasse kdo a miuda tivesse 18 anos)

 

Tb havia a hipótese de me eskecer do espectáculo...se nunca mais ouvisse falar nele.

Estrunfina às 21:03
Link | Comentar AKI

Pk kdo tudo parece k n pode piorar...

...eis k sou confrontada com mais umas possibilidades.

 

Apesar do cansaço, apesar das dores, apesar da neura, tinah prometido passar por casa de umas amigas, p ver um vídeo (verdadeira pérola segundo me diziam) feito numa das noites de karaoke, na Esplanada da S.Pedro.

A companhia e o propósito mas, essencialmente, o facto de ter assumido o compromisso no início da semana (PRONTO, TÁ BEM... HAVIA MORANGOSKAS!!) fizeram com k, a mto custo, fosse do trabalho directa p lá.

Desda Ericeira k o carro dizia k tinha pouca gasolina mas...o computador de bordo dizia k akilo ainda dava p 50 Km e eu keria era xegar depressa pk tava tudo à mha espera p jantar e já eram 22:30.

Xeguei lá com gasolina p ainda 10 Km. Porreiro!!!

Xegou a altura de voltar a casa. Pouco passava da meia noite. Assim k arrankei  a informação veio em jeito de berlaite na testa: "Gasolina = 0 Km"... FUCK! FUCK! FUCK!

Vá de ligar à amiga. A bomba mais perto ainda ficava longe. Na altura tava junto às Twin Towers e ela só se lembrou de uma bomba, a caminho da mha casa, junto à linha de comboio, em frt ao monsanto. Vá de rezar a tudo o k era lomba e inclinação p k impulsionassem o carro até à bombinha.

Finalmente!! Bomba à vista!! Mas...n pode ser...Oh Fuck!!.... Bomba encerrada. Lá dentro um "mano" ki só mi dizia k tava "cerrada".

 

 

Bom....making a long story, short...

 

Foi com os ovários em frangalhos e com as trompas de falópio a terem espasmos cardíacos k consegui xegar à bomba da Repsol da 2ª circular, em frt ao colombo.

 

Grande lição a aprender: O computador de bordo é um mentiroso de merda!! *

 

Basicamente, acabei o dia assim

 

 

 

* Ok...tb aprendi k n devo deixar akilo chegar a 0 pk depois o meu coração ressente-se. O coração e a incontinência urinária... axo k deixei escapar uns piguinhos pá cueca.

 

 

Estrunfina às 10:09
Link | Comentar AKI
Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

Só mais uma coisinha antes de sair

Alguém me explike a lógica da insónia.

 

Se não consigo dormir às 4 da manhã, deitada na minha cama, confortavelmente despida pk raio acordo a babar-me, às 17:30, 15 minutos depois de me sentar no sofá complemente vestida e calçada, a ver a Betty Feia????

 

Estrunfina às 17:41
Link | Comentar AKI

Faltam...

...2 horas de caminho e duas horas de aulas.

 

Sinto-me kuase morta mas... viva.

Neste momento apetecia-me k todas akelas gajas sorridentes k aparecem no anúncio do Trifene fossem enrabadas com uma botija de gás a ver se perdíam akele ar de felizes e contentes k contrasta horrivelmente com o meu aspecto de hj. Depois de tanto so arrastar axo k já perdi um ovário.

A mha mana ligou agora a avisar k o IC19 tá parado e k o sol k bate de chapa no carro faz a malta suar k nem um perú no forno na véspera de Natal. Yupiii!! É mesmo isso k me falta, isso e uma crise de hemorróidas.

 

Deus, se estás aí, se lês blogs, se tiveste o azar de calhar nesta página, eu peço-te:

 

Podes preparar-me um banho de espuma com pétalas de rosa e arranjar alguém k me faça uma massagem total com óleos perfumados depois do banho????

 

 

Obrigada!!

 

 

Estrunfina às 17:28
Link | Comentar AKI | Ver Comentários (2)

HOJE...

...sinto aos ovários a arrastar no chão

...tenho a sensação k tenho 2 espetos na zona lombar

...parece k levei com um taco de basebol na nuca ao mesmo tempo k levava com uma bola de basquete em cheio na cara

 

Eita como é bom acordar assim bem disposta!!!!

 

 

Faltei ao 1º tempo da manhã e n sei como vou aguentar até às 21.30.

Pk é k depois de 15 dias em TMP o cabrão do período tinah k aparecer às 4 da manhã????

Atraso por atraso podía ter chegado um cadinho mais tarde. Pelo menos eu tinha dormido kk coisinha de jeito.

Depois é sempre bom acordar às 4, tratar do assunto, voltar pá cama e kdo se está finalmente a adormecer, "Mãeeeeeeee... tenho fome!!!" e voltar a levantar e ir até à cozinha buscar o pacote de leite com chocolate e ficar à espera k ela o beba p perceber se ela ainda tinha fome ou se a coisa ficava por ali.

E depois de voltar a deitar, perceber k fikei com insónia. E p combater a insónia ligar a Tv e levar com um episódio do ER ("Serviço de Urgência") passado no serviço de neonatologia e k estava recheado de recém nascidos a morrer ou em vias de...

Bom... a ver vamos comó cego. Estou a 10 horas do relax...

 

 

Estrunfina às 11:04
Link | Comentar AKI
Quarta-feira, 23 de Abril de 2008

A minha irmã (versão 1º Ciclo)

Eu gosto mto da mha irmã.

A mha irmã é mto linda e anda sempre mto arranjadinha com roupas lindas e toda armada em tia.

Se eu pudesse escolher, escolhia ser irmã dela mas a minha mãe fez-me a vontade mesmo numa altura em k eu axava k n.

A mha mana é mto organizada e consegue fazer mtas coisas ao mesmo tempo.

Também é mto mariconça e sabe fazer cortinados e fatos de carnaval e até sabe o k é degradée e pacheminas.

Kdo comia como as pessoas normais fazia comidinhas mto deliciosas. Agora... tem pesadelos com pão de trigo e mozarellas de bufala k levam leite de vaca.

A pessoa keu mais admiro no Mundo é a minha mana.

Ela n é perfeita mas é a pessoa keu mais admiro e uma das k mais gosto.

Ela é mto mha amiga mas n é dakelas de dar miminhos. Às vezes gostava kela me desse mais miminhos mas ela dá.me um piparote na tola e diz p eu n ser parva. Mas eu sei k ela gosta mto de mim tb pk kdo eu tou mm triste e a chorar mto ela dá.me abraços e faz-me mtas festinhas no cabelo.

Eu fico mto triste kdo ela está triste e faço tudo o k for preciso p a ver contente. Mas eu sei k às vezes é poukinho.

Eu gosto tanto da mha mana k nem lhe parti os dentes kdo ela, sem kerer, me espetou uma bola de cera depilatória nas pestanas fazendo com k tivesse k as cortar e andar sem pestanas num olho durante algumas semanas.

Hj a mha mana faz anos e esta é a mha prenda principal pk sei k a vai fazer sorrir. Tb axo k ela se vai rir com a outra prenda. pelo menos eu iría fartar.me de rir se aparecer um stripper de fio dental no meu trabalho a cantar o "Love Me Tender" do Elvis.

 

Mana, mtos parabéns e, como vês, apesar de todas as tempestades existem sempre motivos p sorrirmos e deixarmos o nosso coração akecer pk kem nos ama akece.nos sempre o coração.

 

Te amo mto mto mto mto.

 

 

 

PS - Kdo o Cajó Presley acabar de cantar, diz-lhe k depois me ligue p eu combinar o pagamento.

 

 

Estrunfina às 10:00
Link | Comentar AKI | Ver Comentários (1)
Terça-feira, 22 de Abril de 2008

Já tinha ouvido falar nisto mas...

 

...é espantoso quando se sente na pele.

Com a idade começam cada vez mais coisas a passar-me ao lado.

Posso ainda surpreender-me com situações ou pessoas mas, quando toca a desiludir-me é pontapé pá frt e fé na carcaça.

Não perco mto tempo a tentar convencer ninguém de nada, principalemnte pessoas xeiasde certezas e convicções.

Tou numa fase da mha vida k, n tenho a mínima pachorra (se é k alguma vez a tenho) p nada. Não tolero ofensas e não engulo sapos sejam eles kem forem.

Axo k é isto k é ser independente. Se realmente pago um preço alto por assumir tudo sózinha, então k se sintam os previlégios de kem n deve nada a ninguém.

estou cada vez menos politicamente correcta e cada vez me preocupo menos com o k possam pensar.

Vivo, de facto, de acordo com akilo k acredito e k me faz feliz mantendo-me dentro dos meus princípios e convicções. O k os outros axam.... "Tou nem aí" como diz a outra.

Claro k oiço @s amig@s, claro k oiço a família... Oiço e reflicto sobre o k me dizem. e, inevitavelmente, isso tem algum peso p mim. No entanto, nos últimos tempos são o k são... opiniões e contam pelo k valem.

Não choro sobre leite derramado. Tento aprender a lição e sigo em frt. Ao meu lado, todos os k me respeitem e keiram bem. Pelo caminho, todos os outros.

Basicamente, já não perco tanto tempo com desilusões. Como diz a música

 

"...go down on the pedal and you're ready to roll"

 

 

 

Estrunfina às 10:31
Link | Comentar AKI | Ver Comentários (5)
Segunda-feira, 21 de Abril de 2008

Again...a minha filha

No regresso a casa, depois de a ir buscar à escola:

 

Então D k tal correu a escolinha???

Mto, mto, mto mas mesmo mto bem.

A sério?? Então os teus amiguinhos já estavam com saudades tuas??

Sim. Mas eu disse k tava grávida.

 

Tendo em conta k estava a beber água e a conduzir na altura kela disse isto, foi um milagre n ter asfixiado nem ter espetado o carro num muro.

Estrunfina às 20:22
Link | Comentar AKI | Ver Comentários (5)

A Família na TV

Ontem, depois de mto pesar os prós e os contras, decidi finalmente mostrar o vídeo do casamento à mha filha.

Assim k o pai aparece na Tv começa a chamá-lo freneticamente e a dizer adeus.

Passado alguns segundos, pergunta já meio irritada:

 

"Mas pk é k ele n me diz adeus????!

 

 

 Depois chegou a minha vez.. Assim k apareci na TV olhou como k a certificar-se keu continuava ali sentada ao pé dela e olhou de novo pá Tv p confirmar k era eu e olhou de novo p mim...e pá Tv...e p mim...e pá Tv o k  fez com k eu me desmanchasse a rir.

Depois de se ter habituado à coisa ficou mto atenta às imagens. Nakela altura tiravam.me akelas fotos todas da praxe e, a montagem tinha vários planos aproximados desta minha carinha angelical... Às tantas soltou um suspiro e disse: "És tão linda mãe!!! Pareces uma princesa".

 

 

 

 

 

Tive vontade de a devorar com beijos e esborrachá.la num abraço. Depois, correr pá janela e gritar bem alto "A minha filha diz keu sou linda!!!!!"

Estrunfina às 12:07
Link | Comentar AKI | Ver Comentários (3)

Às vezes gostava kela n fosse assim tão espectacular

Tal como previamente combinado com a médica, ontem à tarde lá fomos nós mostrar a evolução da varicela. A coisa n passou mm dakelas pintarolas iniciais k, diga.se de passagem, foram mto mixurucas p uma varicela k se digne.

Tive vontade de a enxer de pintas com uma caneta vermelha. isto tudo pk, depois de ter orientado o trabalho p ficar 1 semana de quarentena, em casa... hj já vim trabalhar às 8 da matina k me lixei.

A médica passou a declaração em como a D já podia voltar à escola e foi com uma ar mto contrariado k hj saímos de casa de manhã.

Espero k, pelo menos, tenha dado p ganhar os anti-corpos necessários.

Mas a verdade é k nem posso dizer k ela tenha estado doente.

Controlá.la na sala de espera do Hospital foi um filme das 2 vezes k lá fomos. Tendo em conta k tava ocm uma doenção contagiosa no meio de um monte de putos doentes... foi um verdadeiro filme!!!

 

Uma saúde de ferro é o k a mha gajinha tem...de ferro!!!!

 

Estrunfina às 11:51
Link | Comentar AKI

Creative Commons License
Estrunfinices by Estrunfina is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Portugal License.

Últimas Estrunfinices

OBRIGADA!!!

Por fin...

Catarse!!!

Nem mais!

Há coisas do caraitas!!!

4655 Dias de TI

RESPECT!!

A primeira aula da manhã

Suspiro FUNDO

Quer-me cá parecer que...

Baú das Estrunfinices

Maio 2016

Abril 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Aldeia dos Estrunfes

O Divino em MIM

 

A MINHA FILHA.  O calor do sol a keimar o corpo num dia de praia. Um mergulho de mar ao luar.  Os sorrisos.  Morangoska granizada. Akela música, no momento certo.  Andar descalça sobre a relva.  O cheiro da terra molhada.  Dream Team Forever Marés vivas num dia de Inverno.  O nascer de um novo dia.   Akele olhar.  Chamusca.  Pego Escuro. Correr na praia e espantar as gaivotas.  Um sussurro k faz bater forte o coração.  O suspiro da minha filha kdo dorme.  A saudade. Gargalhadas.  A gargalhada dela.  Licores.  Avistar Lisboa da Ponte 25 de Abril.  Gelado de Dolce de Leche.  Os ABRAÇOS k transbordam a alma.  O microfone. Quando os meus alunos "Conseguem".  Andar de mão dada. Cócegas.  "AMO-TE".  Petiscadas.  A atracção.  Ilha deserta.  Sentir a minha filha dentro de mim.  Dançar.  Pasteis de Nata.  O carinho de ex-alunos. O silêncio.  O céu estrelado de uma noite quente no Alentejo.  As minis à varanda, a ver o mar. DREAM TEAM FOREVER.  O carinho da família.  Banho de mar "em pêlo".  As bolachas da mana.  A fogueira da Praia Verde.  Ver a minha filha aprender algo novo. Porto Novo.  Rir até chorar. Serra de Sintra.  Os primeiros passinhos.  Ver raios de sol "furarem" o céu nublado.  AMIG@S.  Ouvir o bater do coração.  Olhar nos olhos.  Vimeiro.  Uma massagem.  Cheirinho a casa limpa.  Golo de Portugal. O Guadiana.  Orgasmo.  Ver o pôr-do-sol sabendo k ele nasce noutro sítio ao mesmo tempo.  Amamentar.  O céu azul.  Noite quente à beira Tejo.  Papoilas.  Cheiro a maresia.  Sardinhas assadas.  Alcançar.  O brilho do sol reflectido na água.  Gaivotas.  Fazer amor na praia.  O cheirinho k fica na roupa dela .  Acordar.  Fazer "Koys" enroscadinha a ela debaixo do edredon.  Cataplana de Lagosta.  A minha filha bébé adormecer sobre o meu peito enkto mexia na mha orelha.  Lua Cheia.  Panquecas às 3 da manhã.  O Cristo Rei.  O cheiro da pele depois de fazer amor.  A casca do pessego.  A "minha" estrela.  O toke. Pistacios.  Correr com ela na praia.  As boas conversas.  Girassóis.  Concertos dos Bon Jovi. Chorar até tirar o peso do peito.  Cantar.  Coca-cola.  Rezar.  Guincho. Todas as "Good Nights".  Margarita de morango a meio da tarde na esplanada do Siesta.  Frio na barriga. Orgulho.   Dormir numa cama feita de lavado.  Beijo com língua.  Golo do Benfica.  Uma garrafa de Grandjó geladinha.  A primavera no Alentejo.  Lareira.  Póvoa Dão.  Voar.  A carta certa num jogo de Poker.  Jantar à luz das velas.  Caracóis.  Ganhar no último minuto.  Uma viola, uns acordes e amigos. Beijos no pescoço.  O 1º "Mamã".  Ver a balança a baixar.  Um cigarro ao luar.  Cheirar protector solar no Inverno.  Bolas de sabão. Fazer mergulho.  Trovoada de Verão numa noite à beira mar.  O 1º beijo.  Banho de espuma e pétalas, música certa e luz de velas. Dormir a sesta.  Lisboa à noite vista do ar.  Ramos de rosas.  Ferreira.  O sabor da água salgada na pele.  Ouvi.la cantar a plenos pulmões quando vai à pendura na mota. O vôo da cegonha.  Os jogos em "Miami Beach".  APRENDER.

 

 

 

blog1